facebook instagram twitter

Você merece sorrir com mais saúde e alegria.

Dúvidas frequentes

O que causa a cárie?

A cárie é formada quando a placa bacteriana permanece nos dentes em locais de difícil acesso entre as escovações. Estas bactérias convertem o açúcar e carboidratos dos alimentos e bebidas ingeridos em ácidos. Estes, por sua vez, dissolvem a partir da superfície do dente, danificando o esmalte, o que, sem os devidos cuidados, pode levar à formação de cárie.

Como é possível identificar a cárie ainda no início? Quais os sintomas e/ou alterações aparentes no dente?

Apenas um dentista pode dizer com certeza se você tem uma cárie. Isto porque a cárie se desenvolve embaixo da superfície do dente, onde não é possível vê-la. Quando você ingere alimentos que contenham carboidratos (açúcar e amido), os mesmos são digeridos pelas bactérias da placa, produzindo ácidos que corroem o interior do dente. Com o tempo, o esmalte do dente começa a fraturar por debaixo da superfície, enquanto a parte externa permanece intacta. Quando uma quantidade suficiente de esmalte sob a superfície já tiver sido destruída, a superfície se desmorona, expondo a cavidade de cárie. É maior a probabilidade da cárie se desenvolver em fóssulas e fissuras nas superfícies de mastigação dos dentes posteriores, nos espaços entre os dentes e próximo à linha da gengiva. Mas, independentemente de onde ocorre, a melhor maneira de identificá-la e tratá-la, antes que se torne séria, é visitando um dentista regularmente para avaliações.

Quem não come doce está livre da cárie?

Mesmo quem não come doce não está livre da cárie. O açúcar está presente em todos os tipos de alimentos, desde verduras, como alface, uma simples macarronada e até carnes, como picanha ou hambúrguer. Isso porque todos os alimentos possuem açúcares que podem ser convertidos em ácidos que atacam o esmalte dos dentes.

Quais os impactos da cárie na vida das pessoas?

Segundo estudos, a dor causada pela cárie é o problema de saúde bucal de maior impacto sobre o bem-estar dos indivíduos, o que pode levar a complicações que interferem diretamente na qualidade de vida, gerando consequências físicas, econômicas e até mesmo sociais. Se a cárie estiver em um estágio avançado ela impede a criança de ir à aula, diminui o rendimento no trabalho, dificulta a comunicação e a alimentação, gera gastos para a saúde, compromete a dentição e chega a ser até mesmo um fator de inibição social.

Você ainda possui dúvidas?
Fale conosco.

Caso você ainda tenha qualquer dúvida, por favor sinta-se a vontade para entrar em contato conosco enviando uma mensagem através do nosso canal de comunicação. Estamos prontos para lhe atender.

Enviar uma mensagem